SÁBADO E DOMINGO: AMOR.



Dia 08 (sábado) as 21:00 e 23:00 
Dia 09 (domingo) as 20:30 e 22:00.

Faça já a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.


Sinopse:
Um homem e sua gaiola.

Um coração e seus percalços.
Uma alma e suas memorias.
Uma casa, um corpo!


Objetivo: promover e provocar a essência do Amar, através de um experimento artístico e vivencial, onde o artista Claudio de Albuquerque se disponibiliza há ser o instrumento condutor, artístico, conceitual, cultural e pessoal desta jornada.



Proposta: No ano de 2007 o coletivo Ateliê Casarão inicia uma serie de experimentações artísticas com a meta de promover e provocar um olhar diferenciado e conceitual sobre o fazer cênico e sobre a estruturação do ato de construção embasado em pesquisa, discussão, treino, troca e experimentação.



Assim nasceram os Experimentos Cênicos do Ateliê Casarão:



Experimento 1: AMOR (2007)
Experimento 2: PAIXÃO (2007)
Experimento 3: PALAVRAS (2007)
Experimento 4: CONFISSÕES (2007)
Experimento 5: PERÍMETRO (2008)
Experimento 6: INTRÍNSECO (2008)
Experimento 7: PASSO (2009)
Experimento 8: DEScompromisso (2009)
Ultimo e 9º Experimento: Excluído (2011).



Em 2011 todos estes trabalhos foram revisitados em um espetáculo que durou 9 dias.



Criação e atuação: Claudio de Albuquerque 
* Técnica e parceria: Luís Fernando M. Rocha.



AMOR 



1º Experimento cênico-2007.



Em 2007 quando resolvi encarar e experimentar novos sabores e formas para a minha criação artística em cena, nasce AMOR- 1º experimento cênico.



Desde lá, mais 8 saltos experimentais vieram-me nestes 4 anos de feitura.



Em 2011 a loucura maior, revisitá-los em uma descompromissada versão destes e com um elenco fantástico de parceiros, amigos e seres únicos.



Brincamos em 9 dias com toda esta carga dos 4 anos de construção e 5 de feitura.



* Revisito o “AMOR” anualmente, pois este me é especial pelo carinho no qual ele é impregnado.



Não sei se é teatro¿



Mas, sei que é uma burrada de peito aberto!



Agradecimento mais do que especial a todos aqueles que cederam partes de si



Para que este AMOR seja realizado.



Hoje e sempre!



Grato...



Evoé.



Claudio Albuquerque

SEXTA: UMA ARQUITETURA PARA A MORTE.


Faça a sua reserva pelos telefones 974241304 - 40393486.


Idade Média, mergulhada na solidão, um personagem extravasa seus sentimentos sobre sua ruína e a frustração de sua vida. A palavra é usada como uma vã tentativa de costurar uma existência cercada de medos e dúvidas. Não é um teatro de entretenimento, mas de descobertas e afirmações. A dor, a lembrança, o tempo. Tudo tem uma delicada beleza e a força natural da vida. Originalmente apresentada pelos Satyros, de São Paulo, grupo do qual o autor do texto Ivam Cabral é fundador, e remontado pelo Performático em outras duas ocasiões (1993, com vários atores, e 1996, com a atriz Cristina Guimarães), o monólogo  “Uma Arquitetura para a Morte”, pela primeira vez com elenco masculino, exige coragem do espectador, para, antes de tudo, admitir que a vida é uma arquitetura e uma caminhada para a morte.

O monólogo estreou no 6º Festival de Monólogos de Campo Limpo Paulista – 2012, recebendo os prêmios de Melhor Ator (Clóves Andrade), Melhor Direção (Carlos Pasqualin) e 2º Melhor espetáculo.

NESTE DOMINGO: ARTE NO GALPÃO E 50º SARAU DOS ARTEIROS!!!


NESTA SEXTA: LANÇAMENTO DO SITE "GARIMPO CULTURAL"




Garimpo Cultural 
Uma nova forma de pensar e fazer cultura em Jundiaí

Quem se interessa por arte, literatura, música, informação e entretenimento, não pode ficar de fora do lançamento do site Garimpo Cultural, que acontecer
á no Ateliê Casarão em Jundiaí, no dia 30 de novembro de 2012, a partir das 19h00 horas.
Nascido de um sonho das jovens jornalistas Cintia Carvalho e Anna Lydia Acuio, a ideia começou a ser desenvolvida no início do ano de 2012.

Ambas já trabalhavam ou haviam desenvolvido projetos acadêmicos voltados para cultura e decidiram que era hora de colocar a mão na massa e fazer acontecer.
Hoje, o Garimpo Cultural conta com a participação de colaboradores e convidados de toda cidade e que irão alimentar a página com textos e colunas das mais diversas áreas.

O objetivo do site é ser uma referência sobre o assunto, trazendo uma nova visão (jovem) para meio, que hoje é tão defasado. Se tornando o veículo mais completo para o público da região.

"Pretendemos convidar as pessoas que tem feito a diferença no cenário da cultura da cidade. Além de divulgar e apoiar as ações, a grande ambição é educar, formar e provocar nossos leitores ", diz Cintia Carvalho, uma das criadoras do projeto.

Para o evento de lançamento, a equipe de organizadores preparou uma programação diferenciada: sapateado, exposição fotográfica, literatura e pista de skate aberta.

A música fica por conta das apresentações de Bruna Melo, Daniel Zana, Jorge Torquato e MC Impuro que sobe ao palco às 21h00, trazendo toda a força do Rap jundiaiense em seu primeiro EP intitulado: Volume 1, 2012.


Ateliê Casarão- Rua Dr. Almeida, 265- Centro.
#entradafree

TEXTO: Ana Carolina Nomura

------- X --------

PARCEIROS IMPORTANTES:

Agência LAURUX
http://www.facebook.com/agencialaurux?fref=ts

AllanArt
http://www.facebook.com/AllanArt?fref=ts

Ateliê Casarão
http://www.facebook.com/atelie.casarao?fref=ts

Coletivo Cultura Jundiaí
http://www.facebook.com/CULTURAjundiahy

NESTA QUINTA: Documentário: OS ESTADOS UNIDOS X JOHN LENNON

ENTRADA GRATUÍTA! 

20:30

Sinopse: O documentário cobre o período entre 1966 a 1976, uma década fundamental na 

evolução artística e espiritual de John Lennon que, de grande artista, torna-se um ativista 

político da Contracultura, um poderoso aliado das esquerdas e um pacifista contrário à 

Guerra do Vietnã. Isso lhe rendeu uma séria perseguição por parte do governo Nixon e do 

FBI. O filme faz um um grande paralelo da trajetória do músico com o governo dos Estados 

Unidos na mesma época.

NESTA QUARTA: HAPPY HOUR

Amanhã quarta-feira, 18, tem Happy Hour no Ateliê Casarão e os birutas do Corrosivo 420

 estão de volta mandando seu rock de improviso que é sempre da pesada. 

Compareçam!!!

SÁBADO E DOMINGO: AMOR



Faça já a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.

Sinopse:
Um homem e sua gaiola.
Um coração e seus percalços.
Uma alma e suas memorias.
Uma casa, um corpo!

Objetivo: promover e provocar a essência do Amar, através de um experimento artístico e vivencial, onde o artista Claudio de Albuquerque se disponibiliza há ser o instrumento condutor, artístico, conceitual, cultural e pessoal desta jornada.

Proposta: No ano de 2007 o coletivo Ateliê Casarão inicia uma serie de experimentações artísticas com a meta de promover e provocar um olhar diferenciado e conceitual sobre o fazer cênico e sobre a estruturação do ato de construção embasado em pesquisa, discussão, treino, troca e experimentação.

Assim nasceram os Experimentos Cênicos do Ateliê Casarão:

Experimento 1: AMOR (2007)
Experimento 2: PAIXÃO (2007)
Experimento 3: PALAVRAS (2007)
Experimento 4: CONFISSÕES (2007)
Experimento 5: PERÍMETRO (2008)
Experimento 6: INTRÍNSECO (2008)
Experimento 7: PASSO (2009)
Experimento 8: DEScompromisso (2009)
Ultimo e 9º Experimento: Excluído (2011).

Em 2011 todos estes trabalhos foram revisitados em um espetáculo que durou 9 dias.

Criação e atuação: Claudio de Albuquerque 
* Técnica e parceria: Luís Fernando M. Rocha.

AMOR 

1º Experimento cênico-2007.

Em 2007 quando resolvi encarar e experimentar novos sabores e formas para a minha criação artística em cena, nasce AMOR- 1º experimento cênico.

Desde lá, mais 8 saltos experimentais vieram-me nestes 4 anos de feitura.

Em 2011 a loucura maior, revisitá-los em uma descompromissada versão destes e com um elenco fantástico de parceiros, amigos e seres únicos.

Brincamos em 9 dias com toda esta carga dos 4 anos de construção e 5 de feitura.

* Revisito o “AMOR” anualmente, pois este me é especial pelo carinho no qual ele é impregnado.

Não sei se é teatro¿

Mas, sei que é uma burrada de peito aberto!

Agradecimento mais do que especial a todos aqueles que cederam partes de si

Para que este AMOR seja realizado.

Hoje e sempre!

Grato...

Evoé.

Claudio Albuquerque

SÁBADO E DOMINGO: AMOR



Faça já a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.

Sinopse:
Um homem e sua gaiola.
Um coração e seus percalços.
Uma alma e suas memorias.
Uma casa, um corpo!

Objetivo: promover e provocar a essência do Amar, através de um experimento artístico e vivencial, onde o artista Claudio de Albuquerque se disponibiliza há ser o instrumento condutor, artístico, conceitual, cultural e pessoal desta jornada.

Proposta: No ano de 2007 o coletivo Ateliê Casarão inicia uma serie de experimentações artísticas com a meta de promover e provocar um olhar diferenciado e conceitual sobre o fazer cênico e sobre a estruturação do ato de construção embasado em pesquisa, discussão, treino, troca e experimentação.

Assim nasceram os Experimentos Cênicos do Ateliê Casarão:

Experimento 1: AMOR (2007)
Experimento 2: PAIXÃO (2007)
Experimento 3: PALAVRAS (2007)
Experimento 4: CONFISSÕES (2007)
Experimento 5: PERÍMETRO (2008)
Experimento 6: INTRÍNSECO (2008)
Experimento 7: PASSO (2009)
Experimento 8: DEScompromisso (2009)
Ultimo e 9º Experimento: Excluído (2011).

Em 2011 todos estes trabalhos foram revisitados em um espetáculo que durou 9 dias.

Criação e atuação: Claudio de Albuquerque 
* Técnica e parceria: Luís Fernando M. Rocha.

AMOR 

1º Experimento cênico-2007.

Em 2007 quando resolvi encarar e experimentar novos sabores e formas para a minha criação artística em cena, nasce AMOR- 1º experimento cênico.

Desde lá, mais 8 saltos experimentais vieram-me nestes 4 anos de feitura.

Em 2011 a loucura maior, revisitá-los em uma descompromissada versão destes e com um elenco fantástico de parceiros, amigos e seres únicos.

Brincamos em 9 dias com toda esta carga dos 4 anos de construção e 5 de feitura.

* Revisito o “AMOR” anualmente, pois este me é especial pelo carinho no qual ele é impregnado.

Não sei se é teatro¿

Mas, sei que é uma burrada de peito aberto!

Agradecimento mais do que especial a todos aqueles que cederam partes de si

Para que este AMOR seja realizado.

Hoje e sempre!

Grato...

Evoé.

Claudio Albuquerque

SÁBADO E DOMINGO: PARA DOIS




Faça já a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.
São apenas 12 lugares por sessão!

PARA DOIS
(A traição é o maior ato de amor)

Criação coletiva do Ateliê Casarão sobre a ideia original de Stephanie de Vares, Poesia-roteiro de Thiago Rodrigues e coordenação cênica de Claudio de Albuquerque.

“ X- A sala esta suja!
Y- Não tem problema.
X- Não tem medo de se sujar?
Y- Já estou! E você?
X- Estou prestes! ”.

Espetáculo constituído de imagens, sensações e conotações sobre o relacionamento.
Conduzido pela poesia, pela dança, pela musica e performance, divagamos sobre a relação entre casais e solitários indivíduos da sociedade do relacionamento.

FICHA TECNICA:
* Ideia original: Stephanie de Vares.        
* Poesia roteiro: Thiago Rodrigues.

* Coordenação cênica: Claudio de Albuquerque.       *Fotografia: Cintia Carvalho.
* Adereços, Assistência de cena e apoio: Paulo Freitas.
* Elenco: Adhê Francisco, Aléxia Dutra Esquivel, Claudio de Albuquerque, Larissa Pavaneli, Stephanie de Vares, Thiago Rodrigues.

INFORMAÇÕES:
*Local: Ateliê Casarão, rua doutor Almeida n 265 – Centro Jundiai.
*Dia 17 de novembro (sábado) as 21:00 e 22:15.
*Dia 18 de novembro (domingo) as 20:30.
*Ingresso: R$ 10,00.      
*Reservas pelo telefone: Marcela (11) 9 9777-3605.
*Censura: 14 anos.

“Somos vampiros de nosso destino”.

SEXTA E SÁBADO: DOIS PERDIDOS.


SEXTA E SÁBADO!!!

Faça sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.
O espetáculo Dois Perdidos, aborda dois homens, Paco e Tonho, que trabalham em um mercado de peixe, e vivem num quarto numa condição miserável.
Tonho coloca no fato de não ter bons sapatos, principal razão de sua condição social. Em contra ponto, Paco, tem um belo par de sapatos e se nega a emprestá-los para Tonho.
baseado na obra "Dois perdidos numa noite suja" de Plinio Marcos, Um espetáculo que extrai dessa relação humana, sentimentos visíveis da sociedade em que vivemos: Insensibilidade, consumismo, individualidade. "

CIA. DO ESCULACHO :

Elenco:
Amanda Araujo,Lucas Bandeira

Direção:
Manoel Lucena Mesquita junior

Concepção e operação de Luz:
Nilceu

Produção:
Amanda Araujo, Lucas Bandeira

Direção de arte:
Cia. Do Esculacho
Design gráfico e audiovisual:
William Ferro

Texto:
Plínio Marcos

Adaptação:
Cia. Do Esculacho

Duração:
70 minutos
Gênero:
Drama

Orientação Etária:
12 Anos
Conteúdo:
Violência Verbal, insinuação sexual.


SÁBADO: SELVAGEM COMO O VENTO.


Faça sua reserva pelos telefones (11) 7768-2550 ou (11) 9.9299-9429. São poucos lugares!!!

Selvagem como o vento mostra de uma maneira divertida e poética uma dor conhecida por todos: a dor da separação.

Por que perdemos as pessoas que amamos? Como entender o que é o amor e a separação?

Uma mulher dentro de sua casa tentando entender e superar a perda, alternando momentos de perplexidade, revolta, compreensão e profunda tristeza. Uma mulher tentando se redescobrir e redescobrir o significado do amor...

Texto: Tereza Freire
Com: Luiza Bitencourt
Direção: Claudio Albuquerque

Local: Ateliê Casarão - Rua Dr. Almeida, 265 - centro - Jundiaí
R$ 10,00


SEXTA E SÁBADO: CASA POIESIS



Faça a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.


O poeta Claudio de Albuquerque coloca em cena de forma
performática sua mais nova poesia.



Sinopse: Uma mesa de bar, 4 amigos e uma garrafa de whisky.



Criação e performance: Claudio de Albuquerque.



Duração: 31 minutos.



Censura 18 anos.



Ingresso: Valor Livre.

NESTA QUINTA: ACÚSTICO CASARÃO!!!

Véspera de feriado com muita música e improviso!


AULA DE PERCUSSÃO!!!


AULA DE PERCUSSÃO NO ATELIÊ CASARÃO!!!

Todas as quartas, das 18:30 as 20:00.


Investimento de R$ 50,00 mensais.

Venham fazer uma aula experimental!!!

NESTE DOMINGO: 49º SARAU DOS ARTEIROS!!!




Neste Domingo acontece o 49º Sarau dos Arteiros.

Muita música, teatro, dança, poesia, palhaços e arteiragem em geral!

Venha participar deste encontro de amigos e artistas da região.

Aqui no Ateliê Casarão, rua Doutor Almeida, 265, centro - Jundiaí - SP; à partir das 19h30

R$ 8,00 (inteira)
R$ 5,00 (artista)

SÁBADO: FÁBRICA DE SONHOS




Faça já a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.

Entrada gratuita.

Release: Em uma criação coletiva, com teatro, dança e audio visual, o grupo Salada de Frutas, junto do grupo Physis, conta a história da Fábrica Portland de Cimento Perus. Fábrica esta que construiu diversos lugares do Brasil, entretanto destruiu a vida de diversos operarios que não vieram ao mundo pra ser pedra. 
Direção e Dramaturgia coletiva. 
Elenco: Agatha Martins, Danilo Benites, Douglas Vinicius, Érica Pereira, Lucia Machado, Marina Lima, Nathalia Regina, Pamela Palmeira e Thamirez Dyeny. 
Contra Regragem: Marcio Gonçalves Dias e Stefany Ogawa. 
Faixa Etária Livre.

SÁBADO E DOMINGO: CORDEL DO AMOR SEM FIM!!!




São três as mulheres, são três as irmãs. Unidas pelo sangue e separadas por suas diferentes personalidades e maneiras de ver e entender o mundo. E o amor, 
esse cruel que marca o tempo e as pessoas, com seus mistérios e desatinos, que separa quando parece juntar e junta quando finge separar, é o condutor de toda essa historia.
Apostando na simplicidade tão característica da cultura cordelística, o Teatro em Carne & Osso apresenta sua versão do belo texto de Claudia Sampaio Barral, Cordel do amor sem fim. Um espetáculo sensível, onde cada elemento de criação foi pensado com o intuito de tocar poeticamente cada espectador.





Faça já a sua reserva pelo telefone (11) 9.9777-3605.


NESTE SÁBADO: O ABAJUR LILÁS!!!



Nesta montagem d'O Abajur Lilás, produzido por Hebert Guilherme e o Grupo Teatral Água Fria, de Cajamar, optou-se pela ênfase na relação de poder entre as três prostitutas e o gigolô homossexual Giro. Neste consagrado texto de Plínio Marcos, o grupo prossegue na pesquisa iniciada com a montagem de "A Vida é Sonho" de Calderón de La Barca, e do estudo do texto extrai todas as possibilidades de criação dos personagens e da montagem, caminhando assim para a essência do espetáculo, sua força dramatúrgica.


FAÇAM JÁ SUAS RESERVAS PELO TELEFONE (11) 9.9777-3605!


NESTA SEXTA: ACÚSTICO MIXÓRDIA E KAMILA!!!



Muita música e Improviso!!!

Façam já suas reservas pelo telefone (11) 9.9777-3605.

48 SARAU DOS ARTEIROS

No último domingo aconteceu o 48 Sarau dos Arteiros.

Com dança...


Teatro...





Performance... 


Sorteio...


Novos talentos, que vieram para ficar...


E muito mais...

Agradecemos a todos que fizeram o evento acontecer da maneira incrível que foi!

FOTOS: Cintia Carvalho


DOMINGO: 48º SARAU DOS ARTEIROS!!!


Neste Domingo acontece o 48
º Sarau dos Arteiros.

Muita música, teatro, dança, poesia, palhaços e arteiragem em geral!

Venha participar deste encontro de amigos e artistas da região.

Aqui no Ateliê Casarão, rua Doutor Almeida, 265, centro - Jundiaí - SP; à partir das 19h30

R$ 8,00 (inteira)
R$ 5,00 (artista)

SÁBADO: STAD UP FELIPE TRISTÃO!!!


STAND UP de Felipe Tristão!!! 
As 20 horas!!!

FAÇA JÁ SUA RESERVA!!! Pelo telefone (11) 9.9777-3605.

Ator desde 2001, vem nesse espetáculo contar um pouco sobre seu caminho até virar ator. Com muita pitada de humor, é claro!


SEXTA: SELVAGEM COMO O VENTO!!!


Selvagem como o vento mostra de uma maneira divertida e poética uma dor conhecida por todos: a dor da separação.

Por que perdemos as pessoas que amamos? Como entender o que é o amor e a separação?

Uma mulher dentro de sua casa tentando entender e superar a perda, alternando momentos de perplexidade, revolta, compreensão e profunda tristeza. Uma mulher tentando se redescobrir e redescobrir o significado do amor...

Texto: Tereza Freire
Com: Luiza Bitencourt
Direção: Claudio Albuquerque

Local: Ateliê Casarão - Rua Dr. Almeida, 265 - centro - Jundiaí
R$ 10,00

FAÇA JÁ A SUA RESERVA! 



ATENÇÃO ARTISTAS DE JUNDIAÍ!!!


Amanhã, dia 26 de Setembro, às 19h45, no Espaço do Ateliê Casarão:


Reunião com o candidato a Vereador de Jundiaí, Romanti Timoteo Junior, para discutir sobre a cultura da cidade. Aberto a todos aqueles interessados na cidade e na política de cultura e artes em gerais, todos estão convidados a essa reunião.
Participe você também para discutir, dar novas
ideias e ouvir sua colocação sobre a cultura na cidade!



O Ateliê Casarão é um local apartidário e está de portas abertas para recepcionar a todos aqueles interessados pelas e artes e cultura em geral. Inclusive, aberto para os candidatos a prefeito e aos vereadores da cidade, para discutir os problemas e as soluções da política de cultura de Jundiaí.

APRESENTAÇÕES EM MOGI DAS CRUZES

Neste final de semana estivemos em Mogi das Cruzes, no Galpão Arthur Netto.


No sábado, com "Pernambuco em 4 atos". No domingo, com "Casa Poiesis".


Um lugar cheio de energias boas e pessoas fantásticas, que também lutam para levar Cultura para sua cidade.


Só temos a agradecer por nos receberem com tanto carinho.
Deixou uma grande marca!
Estamos juntos!

SEXTA NO ATELIÊ CASARÃO: SELVAGEM COMO O VENTO!


Selvagem como o vento mostra de uma maneira divertida e poética uma dor conhecida por todos: a dor da separação.

Por que perdemos as pessoas que amamos? Como entender o que é o amor e a separação?

Uma mulher dentro de sua casa tentando entender e superar a perda, alternando momentos de perplexidade, revolta, compreensão e profunda tristeza. Uma mulher tentando se redescobrir e redescobrir o significado do amor...

Texto: Tereza Freire
Com: Luiza Bitencourt
Direção: Claudio Albuquerque

Local: Ateliê Casarão - Rua Dr. Almeida, 265 - centro - Jundiaí
R$ 10,00